16/09/2014

18/10/2010

Lupi em BH: A vitória de Dilma Roussef sairá de Minas Gerais

“Dilma é mineira, venceu o 1° turno da eleição presidencial e vai vencer agora o 2° turno com uma diferença muito maior que virá daqui, de Minas Gerais”, afirmou o presidente nacional do PDT, Ministro do Trabalho Carlos Lupi, ao se reunir em Belo Horizonte nesta sexta (15/10) com as principais lideranças do PDT mineiro, cerca de 300 pessoas, na sede da Federação dos Metalúrgicos. “A eleição está nas mãos de cada um de nós e Dilma vai ganhar porque será daqui, da terra dela, de Tiradentes e de Tancredo Neves, que sairá a diferença”, reiterou.

O encontro reuniu não só a direção estadual do PDT-MG, mas todos os parlamentares recém eleitos pelo PDT tanto para a Assembléia Legislativa, cinco no total, quanto para a Câmara Federal, três. O presidente local, Paulo Cesar, abriu a reunião passando imediatamente a palavra para Lupi, que fez um balanço da candidatura Dilma no 1° turno, reafirmou sua convicção na vitória dela e fez  balanço do desempenho do PDT no Estado.

 “O PDT foi decisivo na vitória de Anastasia para o governo mineiro, porque o apoiamos, junto com o governador Aécio Neves, antes mesmo do PSDB se decidir. Nós saímos apoiamos Anastasia e por isso temos autoridade para falar neste momento, sem medo de errar, que Dilma é a melhor opção para Minas Gerais. Ou não foi um paulista  que impediu que Aécio Neves, estivesse agora disputando a presidência da República?”, disse Lupi, destacando que “a memória do povo mineiro não é pequena”.

No momento, na opinião de Lupi, há dois projetos de Brasil na disputa pela presidência da República. Um, que representa avanço das forças populares, é o liderado por Lula e seu governo, representado por Dilma Roussef - projeto que incluiu milhões de brasileiros que estavam abaixo da linha da pobreza, que criou 24 milhões de postos de trabalho com carteira assinada, que aumentou 64% o salário mínimo em termos reais, que valorizou a soberania nacional, que descobriu o pré-sal e fortaleceu a Petrobrás; e outro, de Serra, que é o oposto.

 
“Temos dois modelos que estão aí para quem quiser ver e temos que levar essa discussão para as ruas para ganharmos a eleição. Aqui em Minas, não temos que explicar porque apoiamos Anastasia, como alguns jornalistas, na entrada há pouco, quiseram que eu fizesse. Nós o apoiamos desde o primeiro turno, juntamente com Dilma, no plano nacional porque acreditamos no governo Aécio como acreditamos no governo Lula”.

Lupi acrescentou:  “Temos que garantir os avanços sociais de Lula e lutarmos pela preservação, por exemplo, da riqueza do pré-sal para todos os filhos do Brasil. O Brasil de Lula é o Brasil que está dando certo, se vestindo, dando empregos, vencendo a crise internacional. Isso de falar de aborto, de homossexuais e religião, é maneira de fugir da agenda principal, que é política”.

E destacou:  “Temos que confrontar os dois projetos  porque a questão é política: quem acha que está tudo péssimo, que vote na Oposição. Quem acha que o Brasil melhorou e tem que avançar, que vote na Dilma”. 

-- O povo é livre e soberano, mas temos que esclarecê-lo, temos que rebater o papel que a mídia vem fazendo.  Somos macacos velhos, conhecemos bem tudo isto. Ou houve neste país alguém mais perseguido pela mídia do que Leonel Brizola? Minas Gerais vai de Dilma e precisamos, todos, nos mobilizar para isto.

 Somos da escola de Brizola e sabemos como isso tudo funciona.  Sempre tivemos projeto de Brasil, o de Brizola, e queremos continuar a implementá-lo através de Lula e de Dilma. Dilma não tem experiência? Como não tem experiência se é fundadora do PDT junto com Brizola e José Maria Rabelo, que está nesta mesa aqui conosco?  As forças conservadoras temem o povo, mas nós não. Nós sempre estivemos do lado dele. Foi  um trabalhador, vindo do nada, que está fazendo o Brasil dar certo e o que as elites temem é o surgimento de novos Lulas e Brizolas. Mas nós não! Estou aqui para transmitir a vocês a minha confiança na vitória. Vamos fazer barba, cabelo e bigode em Minas. 

Além de Lupi, discursaram vários parlamentares e dirigentes do partido.

DestaquesMais

ArtigosMais

28/10/2010

Emir Sader

16/10/2010

Frei Betto

04/10/2010

Leonardo Zumpichiatti

25/09/2010

Leonardo Boff

22/09/2010

Georges Michel Sobrinho

23/08/2010

Léo de Almeida Neves

06/07/2010

Carlos Lessa

04/07/2010

Beto Almeida

04/06/2010

Apio Gomes

24/05/2010

Paulo Passarinho

15/04/2010

Mauro Santayana

12/04/2010

Maria Aparecida Cortiz

26/12/2009

Élnio Borges

16/11/2009

Paulo Rubem Santiago

29/09/2009

João Pedro Stedile

07/09/2009

Martha Ferreira

21/06/2009

Francis Maia

06/08/2008

Sergio Ferolla e Paulo Metri

Especial

Rua do Teatro, nº 39, Praça Tiradentes - Centro - CEP 20010-190 - Rio de Janeiro - RJ
Tel. (21) 2232-1016 Fax (21) 2232-0121